DICAS DE TRILHAS: TRILHA DAS ANDORINHAS.

A Trilha das Andorinhas fica localizada no bairro de Itaipu, em Niterói-RJ. Sua extensão total é de aproximadamente 4,3km (ida e volta) e sua elevação acumulada fica em torno de 400m.

O seu começo é meio estranho… nem parece uma subida de trilha! Após passar pela igreja de Itaipu, pegamos a primeira subida à esquerda, viramos à direita até chegarmos a uma escadaria de concreto. Sim, não tem cara de trilha, mas a subida é por ali mesmo.

Logo que começamos a subir, o cenário já muda um pouco, começando a ficar com cara de trilha. As casas ali existentes vão dando lugar a uma bela subida entre o barro e pedras… do jeito que a gente gosta!

Após a subida inicial, deparamos com o primeiro ponto onde temos que prestar atenção para não errar. Existem dois caminhos, e temos que subir pela direita, embora o caminho reto seja muito mais tentador. Existe uma cerca com uma placa indicando. Preste atenção!

Subida da trilha. Cuidado para não errar!

Passando esta cerca, você continua subindo (subida leve, tranquila) e logo se depara com lindos visuais! Um pequeno desvio à esquerda te leva a um penhasco com uma vista maravilhosa de Itacoatiara. Mais à frente, num pequeno desvio à direita você toda orla de Itaipu, Piratininga e Camboinhas. Lindo de se ver!

Mas que bela vista, não?!

Seguindo a trilha, continuamos correndo só que agora num terreno um pouco mais plano. Não existem tantas árvores grandes, e o sol castiga a cabeça. Continuamos assim até chegarmos a um grande clarão no meio das pedras. Mais uma vez somos premiados com belas vistas de todo litoral niteroiense!

Mais uma pausa para admirar a natureza!

Dali para a frente, a trilha fecha bastante! Existem certos pontos, inclusive, onde fica impossível correr.  Temos também que ter muita atenção para não batermos a cabeça nos galhos das árvores, muitas vezes muito baixos. Nesta brincadeira aí, bati duas vezes!

Seguimos descendo a trilha e cada vez mais o barulho das ondas se aproxima. Sinal que estamos chegando ao final da trilha, onde a descida é bem íngreme e temos que ter muito cuidado para não acontecer um acidente.

Mais um pouco de mata fechada, e… PRONTO! O que se vê pela frente é compensador!

Final da trilha… Simplesmente fantástico!

A volta é até um pouco mais complicada que a ida, pois tudo que descemos para chegar até o final da trilha, temos que subir novamente.  Diria que é a pior parte, até!

Classifico esta trilha como nível médio por dois motivos: A elevação da volta castiga um pouco, e a mesma demanda muita atenção em diversos pontos pela mata fechada e certos perigos.

No nosso canal no youtube, temos um vídeo bem bacana dessa trilha. Confira aí!

 

 

E você, quer contribuir com a gente?!

Entre em contato e nos envie a resenha da sua trilha favorita. Nosso e-mail é: trilhandoporaioficial@gmail.com

Abraços e boas trilhas!

 

 

Comentários estão fechados.